SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

A CIDADE DO FUTURO, AGORA

Conhecida como a capital brasileira da tecnologia aeroespacial, São José dos Campos vem construindo há décadas sua vocação de cidade inovadora e empreendedora.

São José é o berço de iniciativas que forjaram o DNA da cidade, que hoje é referência mundial em tecnologia.

O surgimento do então CTA (Centro de Tecnologia Aeroespacial) , INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) e a Embraer, para citar alguns exemplos, foram a semente para que São José desenvolvesse sua base tecnológica e de inovação.

Mais recentemente, foi criado o Parque Tecnológico, o maior complexo de empreendedorismo e inovação do Brasil, que abriga mais de 300 empresas e startups de base tecnológica.

No ano passado, São José foi apontada pela Revista Financial Times como a 3ª melhor cidade estratégica do mundo para receber investimentos no setor aeroespacial.

A cidade recebeu o selo chamado FDI´s Aerospace Cities of the Future 2020/21 pela Financial Times.

Com localização estratégica entre as duas maiores cidades brasileiras, a cerca de 2 horas do Porto de São Sebastião e servidos por vários modais rodoviários, São José é dos mais importantes polos econômicos do País, sediando mais de 30 mil empresas.

A cidade também é conhecida por suas áreas verdes e parques municipais, como o Parque Roberto Burle Marx, tombado como patrimônio histórico.

São José dos Campos é a 5ª melhor cidade do Brasil para se viver e trabalhar, segundo levantamento publicado pela Revista Exame desta semana com base em dados compilados pela consultoria Macroplan.

O estudo, divulgado em março, comparou os 100 maiores municípios brasileiros com base no IDGM (Índice de Desafios da Gestão Municipal), que reúne 15 indicadores em quatro áreas essenciais para a qualidade de vida da população: Educação, Saúde, Segurança e Saneamento e Sustentabilidade.

Levantamentos mais recentes colocam a cidade como a mais segura do Brasil, entre os municípios acima de 500 habitantes.

Em 2020, a cidade registrou a menor taxa de mortes violentas a cada 100 mil habitantes - 5,17.

Qualidade de vida

São José dos Campos será o primeiro município brasileiro a ser certificado pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) como Cidade Inteligente, de acordo com três normas internacionais NBR ISO (International Organization for Standardization). Apenas 79 cidades no mundo possuem essa certificação.

O processo de certificação é uma iniciativa inédita no Brasil e está sendo desenvolvido pela ABNT em associação com o Parque Tecnológico. São José faz parte do projeto piloto de certificação e será a cidade onde a metodologia será testada e ajustada.

Pelo segundo ano consecutivo, São José dos Campos foi anunciada como uma das três cidades brasileiras mais arborizadas do Brasil, segundo o programa Cidades Árvores do Mundo.

São José figura entre as primeiras do mundo a serem reconhecidas por seu compromisso com o manejo florestal urbano. O ranking é organizado anualmente pela Fundação Arbor Day e a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO).

Cidade do futuro

Líder no Brasil, gerando tecnologia para o mundo, São José dos Campos implantou projeto inédito na América Latina, que integra os serviços públicos e conecta toda a sua população de 720 mil habitantes.

A iniciativa, integrada aos modernos conceitos de cidade inteligente, inclui 1.000 câmeras com inteligência e reconhecimento facial por toda a cidade, implantação do CSI (Centro de Segurança Integrada), interligação semafórica, internet gratuita à população nas praças, parques e prédios públicos, como escolas, unidades de saúde, poliesportivos e Casas do Idoso.

Quem anda por São José percebe que a tecnologia está em todo canto, com lâmpadas de LED em todos os bairros, frota 100% elétrica na Guarda Municipal, empreendedorismo nas escolas, abertura de empresa no menor tempo do Brasil, castração e chipagem de animais, monitoramento do território municipal via satélite, criação do Poupatempo rural, incentivo às startups e lançamento da ferramenta “PrefBook”, que permite resolver todos os serviços públicos virtualmente, sem sair de casa.